você está no HOSPITAL SANTA LUZIA
Mudar hospital

Emergência SMART TRACK



Preocupado com a constante melhoria no atendimento de seus clientes, o Hospital Santa Luzia adotou um novo processo de atendimento em sua Emergência - o SMART TRACK. Este processo visa diminuir o tempo de espera para o primeiro atendimento médico, aumentar a segurança assistencial e proporcionar mais qualidade aos nossos serviços.

O SMART TRACK

A busca por um processo sistematizado de atendimento para chegar à maior eficiência é o que levou a Rede D’Or São Luiz a desenvolver o processo Smart Track. Um dos diferenciais significativos entre esse modelo e a assistência tradicional está no tempo que o paciente não grave leva para ter o primeiro contato com o médico. Se antes os casos menos complexos iam parar no fim da fila e aguardavam por horas até serem encaminhados, o novo sistema reduz drasticamente a espera para receber o primeiro atendimento.


A partir do momento em que chega à Emergência, o paciente começa a ser monitorado, e cada fase é comunicada à equipe encarregada do passo seguinte.


No Smart Track o paciente nunca volta para o mesmo ponto, está sempre evoluindo. Logo depois de abrir sua ficha na recepção, ele é encaminhado para um dos vários boxes, onde será avaliado pela equipe de médicos. De lá, o paciente não voltará mais à recepção: será liberado com seu caso resolvido, seguirá para as próximas etapas (passar por exame, receber medicação) ou permanecerá sob observação até ser liberado ou internado.

 

CIRCUITO

Ao entrar nesse verdadeiro “circuito”, cada paciente é classificado de acordo com a gravidade do caso: os mais sérios são os “vermelhos”, os intermediários são os “amarelos” e os menos graves, os “verdes”. Os “vermelhos” são imediatamente encaminhados para salas de emergência. Já os “verdes” e “amarelos”, depois de passarem pelo atendimento inicial, podem ter três destinos: os em situação menos grave são liberados e os demais são encaminhados para uma sala de medicação e repouso ou passam por exames. Isso é gerenciado dia a dia, para que os gargalos sejam minimizados e os pacientes possam ser atendidos com mais eficiência e agilidade. Com isso, a eficácia do atendimento também tende a melhorar, sem perder o foco em segurança, qualidade e humanização.


Depois de ser medicado ou fazer exames, o paciente é submetido a uma reavaliação com um médico diferente daquele que prestou o primeiro atendimento. Essa medida aumenta a resolutividade (2ª opinião) e satisfação do paciente.

 


CRIAÇÃO PRÓPRIA

O Smart Track é uma criação para fazer frente à grande demanda por pronto-socorro no Brasil. Para desenvolver a estratégia, os profissionais da Rede se basearam em vários estudos da literatura mundial sobre o tema e visitaram hospitais internacionais, sobretudo dos Estados Unidos, para conhecer outros modelos. Ao final, desenvolveram uma metodologia própria, por causa das especificidades brasileiras.


O sistema Smart Track foi implantado no Hospital Santa Luzia em fevereiro de 2015.

 

 

 

AC SHLS 716 CONJUNTO E LOTE 05 - Brasilia - DF
©2014 Rede D'Or São Luiz - Todos os direitos reservados